sexta-feira, 6 de abril de 2018

Cristina Ferreira- Crónica ( XIX )













Hoje o tema volta a ser a corrupção!

Mais um caso de corrupção que surge nas notícias e de novo na área da educação: a Universidade Fernando Pessoa!
 
De acordo com o Jornal "Público", Salvato Trigo, Reitor da universidade, é suspeito do crime de infidelidade. Segundo a acusação do Ministério Público, o reitor da Universidade Fernando Pessoa terá montado um esquema para fazer sair dinheiro das contas da fundação que detém a universidade.

Os montantes seriam, posteriormente, canalizados para uma empresa, cujos sócios são o próprio Salvato Trigo, a mulher e os dois filhos.

Nem o facto de fazer parte da Comissão Científica do Congresso da Associação Sindical dos Funcionários de Investigação Criminal lhe inibiu a vontade de ajudar a família.
 
Paralelamente continuam a ser divulgadas mais informações sobre os colégios GPS e os montantes desviados.

 
Quantos milhões andam por aí perdidos neste tipo de transações?
 
E por falar em milhões perdidos, o que dizer das dividas ao fisco? E a dívida dos bancos?
 
Para resgatar a banca, na última década, os contribuintes já disponibilizaram, de forma obrigatória, pois claro, o montante de cerca de dezassete mil milhões de euros.
 
O desrespeito pelos contribuintes é gritante, estes financiam para que só alguns possam usufruir e isso não pode, como é óbvio, continuar!

Fica a pergunta: como é possível que haja, neste país, tanta corrupção por metro quadrado?




06/04/2018
 
Cristina Ferreira